Mulheres são monstros, Go Go Nippon vai ser lançado na proxima semana e Aselia the Eternal.



Uma semana de certa forma movimentada, bons jogos estão chegando neste mês de setembro que eu considerei um dos melhores para o mercado de visual novels no Japão. A quantidade de jogos não indica que o mês é bom a media dos meses é sempre chegar de 30 a 50 jogos então você ter uma jogabilidade e desenvolvimentos similares é algo tão normal que o importante não é so ter uma boa historia mas um desenvolvimento "slice of life" divertido e que não te deixa com sono é fundamental para um jogo te agradar.

Porem nesse final de mês vamos ter o lançamento do jogo Go Go Nippon que tudo indica de acordo com a MangaGamer e OverDrive que vai ser lançado na próxima semana dia 30 de setembro (sexta feira). Teve uma certa calmaria por parte das empresas ocidentais de jogos porem não espero que essa monotonia vá durar para sempre e novos lançamentos virão para ca.



Antes de começar a postagem de hoje vou dar uma pequena noticia que pode ser so rumor mas da maneira que eu conheço a mangagamer é provável que seja verdade.

Acompanhando o twitter do Kouryuu que é um dos principais tradutores da MangaGamer, eu pude perceber em suas atualizações que ele anda falando, ele anda terminando rotas no jogo DearDrops o que da para entender que ele esta traduzindo o jogo.

O jogo DearDrops é da empresa OverDrive o estilo da historia é bem similar a Kira Kira pelo fato de ser musical e de formar uma banda. Porem a pegada deste jogo parece ter um ar mais serio em relação a Kira Kira que tem mais aquela pegada juvenil. Eu tenho uma certa esperança em DearDrops para o mercado de visual novels no ocidente mesmo sendo o terceiro projeto da OverDrive que é musical.



Princess X ~Boku no Iinazuke wa Monsterkko!?~

Uma nova empresa de jogos nukige nasceu a Poison@Berry essa nova empresa é uma empresa parente da Cyc Soft onde veio também de outra empresa a Black Cyc onde se foca em jogos nukige de conteúdo gótico. É de certa forma uma união de empresas para fazer jogos deste gênero com cada uma de conteúdo diferente.

Tem vários grupos como a Black Cyc, Cyc Rose, MIO, Palmiers, Rainbow Cyc, White Cyc entre outros que são meio que parceiros. Eu particularmente não gosto muito do gênero da Black Cyc mas não nego que o traço gótico deles é bem desenhado porem não vou falar sobre essas outras empresas e sim sobre esse primeiro jogo da empresa Poison@Berry.



O Princess X ~Boku no Iinazuke wa Monsterkko!? é um visual novel nukige onde o estilo nukige é um pouco diferente do eroge, esse estilo se foca exclusivamente para o sexo e erotismo enquanto o eroge tem mais historia e as cenas de sexo não são tão frequentes.

Então um nukige em si para agradar precisa ter um protagonista interessante e um desenrolar divertido para agradar alguns jogadores, as empresas por aqui no ocidente como a G-Collections sabe trazer bons jogos deste gênero porem a MangaGamer infelizmente nesse requisito não é tão boa em trazer jogos nukige.



O jogo tem como foco personagens femininas que são monstros literalmente falando. A historia é simples, uma Lamia (metade cobra metade humana) Nardius XII não quer se casar e em meio a essa fuga do casamento ela vai para o mundo humano e conhece o protagonista da historia. Nardius meio que se apaixona pelo protagonista e assim sendo o império onde a princesa vive decide fazer um acordo com o humano "Ou você se casa com a princesa ou destruímos a humanidade".



O Traço do jogo é bem desenhado para o primeiro jogo da Poison@Berry esta bem feito, ao longo do desenrolar da historia vão aparecendo outros personagens como uma mulher cavalo, um super computador que pode assumir uma forma humana e uma mulher aranha.

E também tem os personagens suporte que fazem parte da historia como as duas irmãs gémeas do jogo que ficam numa falsa forma humana porem ambas são monstros uma delas na sua verdadeira forma é uma fada inofensiva e indefesa e a outra irma é um "ultramen" gigante.



Ambas apelam para o fetiche da microfilia(fetiche por seres pequenos) e GTS(fetiche por gigantes). Mas também tem uma humana no jogo porem ela é uma tsundere(não sabia que tsundere era monstro) que puxa um pouco para o yangire(garota com sorriso bonito mas psicopata) que tem um forte desejo pelo protagonista.

Tem uma personagem dragão de cabelos e olhos vermelhos que é meio furry e também futanari. Futanari seria um estilo de de ero anime ou eroge onde uma personagem é uma hermafrodita real que possui uma vagina e no clitóris tem um pênis nascendo de la e dele não tem testículos(apesar que tem uns que tem). O estilo é confundido com personagem traps(homem ou garota que se parece do sexo oposto) mas não tem qualquer semelhança e como é de se esperar costuma ter um certo preconceito por causa disso.



Visual novels onde costumam ter futanari eu posso citar duas como Bible Black e Cat Girl Alliance que foi vendido no ocidente pelo G-Collections e o Cat Girl Alliance vendeu ate bem mesmo tendo como heroína principal uma garota futanari doida que saia pegando as garotas no colégio. O gênero é mais inserido no Yuri porem uma rota onde um garoto pega uma mulher futanari também acontece como é no caso deste jogo.

Basicamente esse jogo meche com bastante fetiches diferentes é algo bem "hardcore" se analisarmos desta forma porem é difícil vemos um gênero nukige onde é basicamente é so um colegial sem graça e sem muitos eventos divertidos que fazem você ficar jogando.



Dando minha opinião o gênero nukige como eu ja disse em outras postagens não é um gênero de jogo que me agrada como visual novel, é um estilo que se foca muito no sexo e deixa de se focar em na historia.

Mas deixando claro não é pelo jogo ser nukige que ele necessariamente sera um jogo ruim. Ele não vai ter uma historia tão elaborada quanto um eroge ou um all-ages porem ele não tendo essa qualidade que é a "historia" ele pode se focar em outras modalidades como a comedia e o desenvolvimento do personagem e sua vida cotidiana. Se for divertida a vida cotidiana do personagem e ele fazer você se identificar com ele mesmo o jogo tendo uma historia fraca de certa forma ele sera um jogo divertido de acompanhar.



Princess X pode não ser um jogo dos mais normais mas não tem coisas muito loucas de você ficar desconfortável como é no caso de certos jogos que a mangagamer trouxe onde basicamente o foco era o estrupo "rape" onde é um gênero de jogo que simplesmente quero distancia por simplesmente ver esse tipo de jogo como algo que não vai me adicionar em nada, não tenho nada contra quem gosta afinal gosto não se discute.



Romanji: Princess X ~Boku no Iinazuke wa Monsterkko!?~
Kanjin: プリンセスX ~僕の許嫁はモンスターっ娘!?~
Plataforma: PC
Lançamento: 22 de Setembro de 2011
Genero: Comedia romântica, Horror, Fantasia
Estilo: Nukige, Sis-com, GTS, Minigirl, Futanari, Harem, Yuri, Monster Girl, BSDM, Tentacles

Trailer:



Aviso: muita nudez (vídeo censurado)



No aguardo de muitos o jogo Go Go Nippon vai ser lançado na próxima semana dia 30 de setembro numa sexta feira o jogo vai pesar uns 600 mb, o preço do jogo vai ser 9,95 Euros caso queira pagar em dólares vai custar 13,59 Dólares.

Não tenho muito coisa a falar, no momento so resta aguardar o lançamento, o jogo não esta tão caro quanto os outros jogos da MangaGamer mostrando que eles realmente querem que uma grande quantidade de pessoas adquiram. O jogo é All-Ages ou seja não tem cenas de sexo no máximo vai aparecer os pequenos fanservices para trazer um pouco de diversão.



A Jast Usa não esta parada e anunciou que os que compraram o pre-order do Aselia no Eternal vão receber o jogo em outubro.

A Jast nos eventos trouxe muitas noticias animadoras sobre os futuros jogos mas depois dos eventos eles voltaram a ficar naquele ritmo de noticias mensais. Eles estão trazendo bons jogos porem o ritmo deles esta lento ainda, porem em relação a alguns anos atras esta bem melhor assim, pelo menos eles estão agindo.



Ate a próxima...

This entry was posted in ,,,,,,,. Bookmark the permalink.

5 Responses to Mulheres são monstros, Go Go Nippon vai ser lançado na proxima semana e Aselia the Eternal.

  1. LiosX says:

    É pelo visto esse game é mais para Zoofilia.

  2. jonhmaster says:

    Bem... zoofilia é bem mais tenso xD.

    Eu sabia que o jogo de certa forma iria causar uma certa polemica. Porem parece que o criador fez o jogo com esse proposito para ser algo diferente mas ele satirizou bastante por que personagens monstros aparecem em jogos de eroge de rpg e muito aparecem de relance sem ter muito desenvolvimento do mesmo.

    Mas ele quiz ir alem e se focar apenas nisso, achei a ideia boa e interessante, daria um bom anime se fizessem uma boa adaptação.

    Afinal personagens monstros meio moezados costumam aparecer algumas vezes, exemplo.... GeGeGe no Kitarou.

  3. Éverton says:

    o jonh me fez lembrar de rosario+vampire hauhauha

  4. jonhmaster says:

    Bem mais rosario+vampire tem vampiras, bruxas e succubus. Apesar que aparece uma professora de matemática que é um lamia.

    Se é para falar de monstros um bom exemplo é a visual novel saya no uta.

  5. Anônimo says:

    Eu estava lendo sobre esse jogo no sankaku complex e quando joguei isso no blog encontrei o blog de vocês. Cara parabéns é difícil ver um blog falando sobre visual novel e sem preconceito.

Leave a Reply