Offline Girl. Relações familiares são complicadas


Muitas visual novels que começam como doujins costumam não ter um bom desenho em suas CGs, quando chegam. Porem o grupo Chainsoul pretende ser diferente, onde apresenta um bom traço para uma visual novels doujin.

Como eu tinha mencionado no calendário de lançamentos, esse doujin tem um bom nível de detalhes e parece que pode ser o jogo que vai salvar da grande quantidade de jogos fracos que estão chegando em Janeiro. Porem nunca se sabe se o publico vai curtir determinado jogo ou não, mas se o grupo Chainsoul conseguir uma boa quantidade de vendas, poderá no futuro se tornar uma empresa profissional em visual novels.

A historia de Offline Girl tem como protagonista o Nayuta que trabalha com a criação de aplicativos para smartphones e vive com a sua mãe. Tudo começa quando o Nayuta e seu amigo Hajime decidem ir para o Nipponbashi Street Festival onde é um centro comercial subterrâneo, onde varias empresas aproveitam para vender seus produtos.






Nipponbashi Street Festival tem uma grande fama, sendo apoiada ate pelo prefeito. No meio do passeio eles encontram um local onde idols fazem os seus shows, no meio do show Nayuta fica encantado pela musica da Rikka que faz ele ficar apaixonado pela idol. O plot da visual novel começa a partir do encontro predestinado de Nayuta e Rikka, alem que esse jogo pretender debater muito sobre relações familiares.

Nayuta larga a escola para ajudar sua mãe divorciada. Rikka foi criada por pais adotivos, e não tem informação sobre seus pais verdadeiros. Enquanto tem outro personagem que com seu trabalho de engenheiro, tenta conquistar o amor dos pais com seu trabalho duro. Resumindo, tem tudo para ser um drama, explorando esses problemas familiares que cada personagem tem na historia.

Como qualquer eroge, o fanservice e erotismo é algo bastante presente, e a ideia de colocar um protagonista desvinculado da escola e ter sua própria independência é bom, principalmente por abrir mais a locomoção do personagem pelo cenário e não sendo mais o tipico protagonista estudante bundão que tem o seu harem.

Apesar que quando uma visual novel não tem a escola para explorar os relacionamentos, eles inserem um novo ambiente; desde ilhas, restaurantes, discoteca. So que nesse caso o relacionamento vai ser explorado no ambiente da Nipponbashi Street Festival. É um jogo para quem busca um desenrolar diferente, mesmo tendo um plot padrão de muitos jogos, vale uma boa jogada e quem sabe isso não é o inicio de uma boa empresa que entra no mercado de visual novels.





This entry was posted in . Bookmark the permalink.

1 Response to Offline Girl. Relações familiares são complicadas

Leave a Reply