MangaGamer adiciona o jogo Laxius Force no seu acervo.


A MangaGamer continua investindo em jogos indies para vender na sua area all ages, onde originalmente seria a area reservada para a venda de visual novels all ages. Enfim, eles estão adicionando um "novo" jogo a seu acervo de vendas o Laxius Force onde é um RPG que se passa num mundo fantástico e tem elementos de jogos como Dragon Quest.

Esse jogo Laxius Force é um jogo antigo que foi feito pela empresa Aldorlea Games que cria jogos pelo RPG Maker. Eles vendem os jogos pelo meio digital, ou seja você compra o jogo e depois faz o download do conteúdo para a sua maquina. A parceria da MangaGamer com a Aldorlea Games é justamente para pegar o publico que curte jogos japoneses e conseguir uma maior quantidade de vendas.




Mas como esse jogo é antigo nem preciso dizer que você acha fácil o download "pirata" na internet nas locadoras de torrent da vida. Não vejo essa atitude da MangaGamer como algo proveitoso para o consumidor.

Afinal ela esta so aumentando o alcance de uma empresa de indies e doujins já existentes, e não trazendo novos jogos para o ocidente. As empresas que já temos que traz jogos doujin para o ocidente como a Nyu Media já esta fazendo um ótimo trabalho, alem dessas empresas oferecerem os seus jogos na Steam onde facilita e muito a vida do gamer.

A area All Ages da MangaGamer poderia ser usada para algo mais proveitoso como trazer mais visual novels para todas as idades, e trazer jogos doujin e oferece-los no Steam também. Na verdade isso é mais um acordo comercial, a noticia do anuncio do jogo só serviu para eu conhecer a empresa e não para melhorar o numero de jogos disponíveis para o consumidor.

link: http://www.mangagamer.com/detail.php?product_code=64

This entry was posted in ,. Bookmark the permalink.

5 Responses to MangaGamer adiciona o jogo Laxius Force no seu acervo.

  1. Gaiasking says:

    Não é por nada não, mas jogos pelo RPG Maker não são assim, como posso dizer, ultrapassados? Qualquer um consegue criar jogos por esse programa, a menos que se consiga criar uma história MUITO BOA com os recursos oferecidos pelo programa e, mesmo assim, não sei se vale a pena comprar. Acho que foi bola fora da MangaGamer nesse caso

  2. MGJ Sakazaki says:

    Saiu? até q enfim kk se eles demoram pra trazer um game desses imaginem os outros =/

  3. Anônimo says:

    @Gaiasking
    Nem tanto heim, sabendo usar e tendo um pouco de experiencia com o RPG Maker dá pra fazer muita coisa, inclusive Visual Novels, tem até um projeto brasileiro de uma VN feita no RPG Maker: http://www.youtube.com/watch?v=ZkzyBDcRXy4

    Mas esse jogo aí que a MangaGamer tá traduzindo foi realmente uma bola fora, o jogo usa bem o basicão oferecido pelo RPG Maker, sem falar que a maioria dos gráficos, sistema de batalha, menus e outras coisas que dão pra ver pelas screens, são tudo o padrão do RPG Maker mesmo. Como você mesmo disse, mesmo que o jogo tenha uma óóóótima história ainda não sei valeria a pena comprar.

  4. Rpg Maker é uma ferramenta incrivél para games 2D. Uma pena não ser multiplataforma. Lembro que apesar de vir com padrão o gameplay do Dragon Quest clássico, tu pode personalizar tudo, batalhas estilo Chrono Trigger, Final Fantasy, em tempo real, de tiro, por turno, tipo tabuleiro. Ele é "simples" de certo modo, mas o que faz você pagar ou não por um game feito com ela é a maneira como a produtora usa esses recursos.

  5. Gaiasking says:

    Eu usei várias vezes o RPG Maker para criar alguns jogos (toscos, mas vai, amador no programa ainda) e, na própria comunidade RPG Maker Brasil, vi vários jogos que exploram recursos sofisticados do programa, que ao final nem parecem ser RPG Maker. Devo dizer que, quando bem explorado, realmente o RPG Maker impressiona. Porém, pelo que vi pelas screens desse jogo, ela explora o super básico do programa, nem fizeram edições do sistema de batalha, apenas acrescentaram imagens de chars novos e cenários novos.
    Como disse anteriormente, a história tem que ser sensacional para compensar tudo isso, e mesmo assim não sei se vale a pena comprar

Leave a Reply