Emuladores influenciam a pirataria?



No inicio da internet discada no Brasil e no mundo, usava-se essa maravilha tecnológica apenas pra duas coisas: chat no IRC e baixar gifs pornográficos. Mas aos poucos a velocidade da internet foi melhorando e a "banda larga" foi adentrando em nossos lares numa velocidade de tartaruga, porém a informação que ela trazia ia numa velocidade mais satisfatória.

E muitas dessas informações falavam sobre uma palavra que na época era algo estranho, só que hoje é algo bem comum: emulador. Onde esses programinhas nos dão a possibilidade de jogar vários joguinhos no PC da época do nintendinho, master system, atari. Ate o Super Nintendo e assim por diante. Hoje em dia esses emuladores podem ser usados até no seu smartphone Android e iOS, onde podem lhe proporcionar varias horas de diversão em qualquer local. Mesmo com todas as vantagens da emulação, um debate sempre era debatido em relação a esses programas; sobre se emulador é considerado pirataria.

Se analisamos na lei, o emulador em si não é pirataria. O fato de adquirir as roms para praticar a emulação é que é contra lei. De fato na historia da humanidade, ninguém nunca foi preso por jogar num emulador, onde rolar um processo por traz disso não seria algo tão proveitoso para a empresa. Afinal a grande filosofia da emulação é pegar jogos de consoles que não vendem mais, para assim quem jogou os consoles daquela época possa reviver ou jogar jogos que não teve a oportunidade de jogar naquele período.


E também os emuladores podem ser usados, para pessoas de novas gerações jogarem jogos clássicos e que nunca tiveram a oportunidade de jogar, afinal jogo velho não existe o que existe é aquele jogo que você não jogou. Assim como filmes e livros, os vídeo games são uma forma de arte e de cultura, e os emuladores fazem um excelente papel para resgatar esse imenso arsenal de jogos.

Vejo na internet muitos "retrochatos" que falam que emulador é pirataria e isso prejudica a industria de games, alem de isso ajudar o crime organizado (pagar imposto também ajuda viu). Eles reclamam que não importa a era, o jogo tem que ser pago devidamente para respeitar a obra. Ai pra isso existe jogos clássicos sendo vendidos a $1.00 nas lojas virtuais da Nintendo, Sony e Microsoft, então não existe a necessidade de pagar um vídeo game e jogo antigo usado que sai mais caro que os jogos atuais. Porém o "retrochato" consegue ser tão chato quanto o usuário de iPhone que reclama do capitalismo, mas coloca senha no Wi-Fi. Mas vamos seguir a linha de raciocínio do "retrochato".

Você compra o console e o jogo antigo, porém a empresa não vai ganhar essa grana, pelo fato do console ser usado. Logo a grana usada na compra desse console já foi feita pelo primeiro comprador. A sua grana não vai para empresa e sim para o dono do console que esta vendendo no mercado livre. Então não ha motivos de extress, caso tenha um console você pode comprar os jogos antigos para ele, e caso não tenha esse jogo você usa o emulador para jogar ele. A industria vai ganhar no final.


Sabemos que os emuladores servem para você jogar jogos de consoles que pararam de serem fabricados. Não tem problema nenhum nisso, mas ultimamente não esta sendo sempre assim. No caso do emulador de Nintendo DS, o emulador foi feito na época que ele existia, onde dava para jogar os jogos de lançamento do portátil no seu PC, sem grandes problemas. Nesse ponto a emulação considero algo errado, afinal o console ainda existe e os jogos são recentes, onde de certa forma isso prejudica o console. No caso do emulador de PSP funcional surgiu muito depois de lançarem o PS Vita, então ter um emulador funcional de PSP nesse ano não é algo tão prejudicial, afinal o foco recente é no novo console e não se fabricam mais jogos para o PSP pelo que eu saiba. E como vimos recentemente a historia se repitiu mais uma vez.

Depois do lançamento do Pokemon X & Y para Nintendo 3DS, um grupo de desenvolvedores estão construindo um emulador de 3DS com uma funcionalidade principal, que é emular o jogo de Pokemon X & Y. De fato não é novidade surgir um emulador de console portátil da nintendo depois que surge um jogo de Pokemon para o mesmo, e desta vez não foi diferente. Mas a Nintendo se antecipou a isso, afinal agora da para ter partidas online, alem de poder trocar Pokemons online com seus amigos. Um emulador nunca vai proporcionar esse experiencia, onde é algo que a Nintendo anda investindo bastante nos seus jogos para 3DS onde é a socialização online.


Porém para quem só jogar o jogo pela diversão e desafio, e não esta nem ai para a socialização online, o emulador é algo bem vindo. A emulação nessa era atual é errada, mas não vai ser tão prejudicial como foi na época do Nintendo DS. Ter emulador de consoles da Nintendo nunca foi algo de outro mundo, e sempre tendem a serem os melhores emuladores produzidos.

O cara não quer comprar nenhum console da Nintendo, mas quando surge um emulador do mesmo, compra até um controle de Wii para jogar ele no emulador Dolphin. E com 3DS vai ser a mesma coisa, alem que já ter uns fazendo emulador de Nintendo Wii U. Sempre vão existir pessoas que vão ser contra ou a favor de emuladores. Uma coisa é certa, eles estão ai pra ficar, mas não conseguem ser tão prejudiciais quanto você destravar o seu vídeo game e jogar jogos piratas.

Na minha opinião os emuladores são mais benéficos que maléficos. Graças a eles eu posso conhecer jogos que não tive oportunidade de jogar na época, alem de jogar jogos como: Super Mario Bros 3 e Alex kidd in miracle world que mesmo zerando varias continuo jogando até hoje. E hoje em dia graças aos smartphones, jogar jogos de Game Boy Advance nunca foi algo tão satisfatório. Jogar jogos como: Puyo Por Fever, Pokemon Pinball e Harvest Moon num aparelho portátil é algo muito agradável, para aquelas jogatinas rápidas de 30 minutos.

Enfim, qual sua opinião sobre emuladores? Você acha que eles são prejudiciais a industria de games ou são uma bela forma de biblioteca de jogos? E fale, quais jogos antigos que você joga até hoje graças aos emuladores?

This entry was posted in ,. Bookmark the permalink.

5 Responses to Emuladores influenciam a pirataria?

  1. Anônimo says:

    Já existe um emulador capaz de jogar os novos jogos?? *---*
    Você não podem passar o link ou algo do gênero, né??
    Eu amaria jogar os jogos, já que não tenho um 3DS :/

  2. Anônimo says:

    Concordo os emuladores são uma bela forma de biblioteca de jogos afinal se eles nunca tivessem sido feitos muitos jogos antigos iriam se perder com o tempo e possivelmente nunca daria para recuperar ou jogá-los futuramente.

    Agora sobre os jogos que eu jogo nos emuladores nem sei dizer como são muitos em diferentes emuladores de jogos de época.

  3. Murilo Gin says:

    Não acredito que os emuladores possam ser prejudiciais as industrias, eles são uma forma de disponibilização dos jogos, não que seja legal jogar uma rom, porem muitos fãs buscam a eles por simplesmente não poderem comprar :/ pois quem não queria ter algo original e não se preocupar com erros e entre outras coisas?!

  4. Hurokun says:

    concordo em grande parte com a materia, acho que emuladores, mesmo de consoles atuais (como PSP,3DS,etc e sim PSP ainda tem jogos sendo lançados) ainda não prejudicam a impresa, em geral quem usa emulador é pra jogar algum jogo que não tem acesso, finaceiro ou até de região (quem nunca jogou um jogo que nunca veio ao brasil, ou até mesmo nunca saiu sequer da europa ou, no extremo da ipotese, do japão?) eu possuo um PSP, então nãu uso de emulador, mas eu modei ele para poder jogar jogos de ROM permitindo que eu jogasse alguns jogos que nunca teria acesso normalmente (como Patapon e o Project Diva).

    exitem aqueles que usam pra meios de pirataria? obivo, se alguem cria algo e põe a venda uma outra pessoa ira copiar e fazer mais barato ou de graça. é como a nossa sociedade atual funciona, tanto por roubo de puliticos com as taxas excessivas quanto por idiotice humana.

  5. Anônimo says:

    pra mim so é pirataria quando o jogo é novo quando é velho tudo bem XD tipo emulador de gba,snes,nes e varios outros

Leave a Reply