O que um ecchi precisa ter para ser bom?


Na animação japonesa, existe algo que chamamos de arte. E essa arte pode ser resumida pela forma de como ela é trabalhada, se focando em alcançar determinado publico alvo. Nos narutos da vida temos um traço mais rápido e de fácil assimilação na mente, enquanto outro pode se focar no prazer visual.

Porém não vou falar de todo tipo de arte japonesa, muito menos dos narutos. Na postagem de hoje irei falar no meu ponto de vista o que é necessário ter nas putarias japonesas (mais precisamente Ecchi) para ele ser considerado bom. Ou seja, a postagem de hoje ta "muito boa", mas não se desespere, relaxe leia com calma e vamos nos divertir.

O ecchi se eu não tiver enganado significa "pervertido" onde são designados a animações japonesas onde a situação climática é sempre desfavorável fazendo ventos fortes levantarem as saias das garotas sem nenhuma explicação cientifica. Além dos diversos fatores onde o piso da escola sempre esta molhado fazendo o protagonista escorregar no chão liso e caindo de cara nos seios ou na calcinha da garota, fazendo ela gritar mas não ficar emputecida com o protagonista, onde isso na vida real nunca iria acontecer, ou não.

No mundo do ecchi o sol costuma ser muito forte, onde consegue tampar as partes de nudez do anime, mas desde que você compre um protetor solar chamado blu-ray o sol some sem a menor explicação plausível. No final o ecchi é muito focado em garotas que parecem deusas gregas onde essas garotas querem o mesmo cara, e no final o protagonista acaba pegando ninguém e quando pega, escolhe a garota mais chata.


Sabemos os elementos e as regras das perversões japonesas, mas afinal o que é necessário para o anime com esse tema ser bom. Ou até mesmo como esse elemento pode ser inserido nos animes para torna-lo interessante. O que vejo muita produtora de anime recorrer é seguir os padrões da maioria, que podemos chamar caso preferir de "genérico".

Colocamos um anime padrão, protagonista loser que da noite para o dia na escolinha tem seu harem com varias garotas. Onde no final o anime se resume a apenas ter cenas eróticas em cada episodio e com pouco ou quase nenhuma evolução dos personagens. Temos diversos animes com esse estilo, ele vai vender? Sim, vai. Porém não vai concorrer com outros ecchi que conseguem apresentar elementos que deixam o ecchi mais interessante.

Ecchi é algo normal na animação japonesa. Não tem para onde correr, a erotização é algo normal em qualquer anime e manga, inclusive naqueles que a erotização não é o principal. Para dar um exemplo vamos falar dos narutos. Os narutos eles tem como foco principal a ação, onde mostra um personagem que vai evoluindo e cada vez mais vão aparecendo inimigos mais fortes para ele derrotar.

Mas os narutos não ficam constantemente nisso. Em algum momento ele vai mostrar um episodio de comedia e sem lutas, da mesma forma que vai ter episódios de drama e reflexão. Os narutos são de ação, mas ficar apenas nisso se torna algo cansativo, e com o ecchi não seria diferente.


Assim como no ecchi ele tem variações. Em um momento podem estar mostrando a erotização, como depois podem estar apresentando uma evolução dos personagens e até mesmo um combate. Quando um ecchi fica apenas no ecchi ele é um anime que se foca apenas no publico mais hardcore, onde na maioria das vezes os seus personagens são completamente esquecidos depois que você deixa de assistir.

Não importa o quanto um ecchi seja bom no erotismo, se ele não apresentar momentos de comedia e um desenvolvimento do personagem, aquela experiencia vai ser completamente esquecida, fazendo ser apenas uma perca de tempo. Afinal você não precisa ver um anime para ver erotização em desenho japonês. Vá no Pixiv você vai ver vários desenhistas fazendo vários trabalhos com erotização, da mesma forma que você entrar nos "safeboorus" da vida você vai achar toda a safadeza que procura.

Da mesma forma que nos filmes ocidentais como American Pie e Se Beber não Case, apelam para erotização mais como complemento adicionam comedia, afinal piadas sexuais vendem e muito. Se é ver safadeza por safadeza é fácil encontrar na internet, não precisa perder 30 minutos para ver isso num anime. O que gosto de ver no ecchi é que o teor de humor, ou seja uma comedia romântica erótica, são muito boas para rir e divertem. Mas quando se foca apenas na safadeza a serie se torna vazia e deixa de ser interessante.


Não excluo o fato de ter os ecchi de ação como High School of the Dead, afinal safadeza e violência são uma bela combinação. Faz um bom tempo que não vejo animes ecchi e fico nos battle shonen (narutos se preferir). Apesar que nessa temporada teve dois animes ecchi que eu gostei: Yuushibu e Outubreak Company que estão me fazendo dar boas risadas.

No fim esse é o estilo de animação que gosto de ver no ecchi. Sei que tem vários públicos que gostam do estilo e muitas vezes gostam de ver o ecchi pelo ecchi. Afinal se tem isso é porque tem publico e por ter publico ele vende. Eu na minha opinião, gosto de um ecchi que me faça dar uma boas gargalhadas, onde consegue contrastar o erotismo, mas sem tornar os personagens verdadeiros pedaços de carne.

Enfim, essa é minha opinião sobre o que um anime ecchi precisa ter para ser bom, pelo menos pra min. Porém aqui não estou debatendo qual o padrão a ser seguido para ser bom e sim o que é necessário ter para ser bom para você, inclusive se você prefere o ecchi pelo ecchi. Em sua opinião, o que é necessário um anime ecchi ter para ele ser bom? De sua opinião e vamos alimentar o debate.

This entry was posted in ,. Bookmark the permalink.

15 Responses to O que um ecchi precisa ter para ser bom?

  1. Mesmo que o foco seja a putaria em si, uma história boa ou no caso das comédias, básica mas com situação engraçadas, é o importante. O Ecchi sendo um complemento do anime sempre é divertido (como no High School of The Dead, DxD etc...). Especialmente no Visual Novel que são livros interativos ilustrados ao meu ver.

  2. Metheus says:

    Eu me foco em animes de comédia, então eu gosto de ver ecchi quando as cenas ecchi complementas as cenas de humor. Porém, há aqueles em que há o protagonista (viado) que tem seu harém e as cenas ecchi forçadas e piadas sem muita graça, como maior exemplo, Infinite Stratos.

  3. Murilo Gin says:

    Em minha opinião o que torna um ecchi bom, não é apenas a erotização em si e sim a forma como essa erotização é usada em forma de comédia, e claro um bom romance mesmo em um harém, torna as coisas muito melhores!

  4. Esquálido says:

    Adorei a parte do sol que some na versão do blu-ray e esse site pixiv, não conhecia esse site, mas é muito bom adorei essas artes!
    Você deu muita volta para falar a mesma coisa... se eu só quero ver putaria é melhor ver um hentai. Ecchi de ação eu costumo não gostar, acho que a erotização nas lutas fica muito exagerado, desnecessário e até quebra o clima (mas estou aberto a sugestões). Mas um ecchi de comédia de vez em quando até que é bem vindo. De modo geral uma erotização quando vem no momento certo sem ser muito forçada é muito bem-vindo, só não pode estragar com um fan-service sem noção como ocorreu em Evangelion.

  5. Lucas C. says:

    Cara pra mim depende, depende. Depende de como você vê "ecchi", no texto você fala como se fosse um gênero, eu por outro lado penso no "ecchi" como um elemento qualquer de uma história. Por exemplo, você falou sobre comédias e comédias românticas, ambas podem ter ecchi, e mesmo assim não seriam (pra mim) consideradas "ecchi", já que é só um tempero.

    Nessa visão então, resta o tempero ser colocado na hora certa e no lugar certo pra ser chamado de "bom", apesar de que se o cara vê só pela putaria qualquer ecchi será bom, mas eu digo no aspecto que intensifica o dilema cômico, ou em outros casos que intensifica uma cena de morte (vê alguém nu morrer é mais macabro do que alguém com roupa).

  6. Anônimo says:

    Bom não tenho muito o que dizer mas se perceberem cada um meio que ligou a comédia com o ecchi eu por exemplo gosto de ecchi com sua comédia e "nudez" na hora certa junto com seu romance e evolução dos personagens.

    Mas respeito o que cada um gosta em um anime que tenha ecchi mas ainda penso que para o anime se tornar bom o anime tem que ter um desenvolvimento na história dos personagens. E tem vezes que os animes de ecchi não se aprofunda no desenvolvimento do mesmo mas muitas vezes se for ver o manga do anime a historia tem um ótimo desenvolvimento muito melhor que o anime.

    Acredito que para um ecchi se desenvolver bem na história ele tem que ter mais temporadas não apenas uma em que o tempo passa em um estalar de dedos.

  7. Anonl says:

    Eu gosto de ecchi quando ele vem junto com historia, se for para ver só putaria a gente vai ver um hentai

  8. Anônimo says:

    Existe algum ecchi com garotos ao invés de garotas?

  9. AlfaAbo says:

    "Existe algum ecchi com garotos ao invés de garotas?"
    Se não me engano tem um, acho que o nome é free é de natação com ecchi masculino .-.

  10. Tsu says:

    respondendo a pergunta, PRECISA DE UM PROTAGONISTA QUE NÃO FUJA DO SEU HAREM!

  11. MGJ Sakazaki says:

    Concordo com você Metheus, o infinity stratos decaiu muito na nova serialização, o que me custa imaginar (se me permitirem fugir do tópico central) é que na realidade o protagonista de IS é siscon, ele preza até de mais a sua onee-chan, sem falar que no concurso ele falou que a melhor era ela, isso mais diversos fatores (alguns muito importantes para a série) me indicam, apontam que ele é um siscon, mas, isso não deixar de fazer o autor, deus da sua história.

  12. MGJ Sakazaki says:

    e respondendo a pergunta do Tsu, um exemplo bem claro é Hentai Ouji to Warawanai Neko.

  13. Anônimo says:

    AlfaAbo: O ecchi de Free é bem fraquinho, eu chamaria mais de fan service do que ecchi, tô me referindo a um anime no nivel de To-Love-Ru, sendo que com garotos ao invés de garotas!

  14. TiagoAF077 says:

    Qual é o anime da segunda imagem ?

  15. Anônimo says:

    Diabolik Lovers...?

Leave a Reply