Archive for Setembro 2013

Getsuei Academy Kou. Nova visual novel da Arc System Works.


Essa nova visual novel da empresa do BlazBlue, tem tudo para agradar o publico que gosta da empresa. Principalmente pelo fato do dublador do protagonista do jogo ser o Sugita Tomokazu que é do mesmo dublador dos personagens de Ragna (BlazBlue) e Gintoki (Gintama).

O mais interessante desse jogo é que ela é adaptada de uma light novel que também foi escrita pelo dublador Sugita Tomokazu.

A visual novel vai ser lançada no dia 10 de outubro para PS Vita. O pouco que da para saber da sinopse do jogo, é que se passa numa escola, onde no primeiro dia que o protagonista coloca seus pés lá, começa a acontecer eventos sobrenaturais. Desde o aparecimento de fantasmas, ate demônios que começam a atacar os estudantes.




Posted in | 1 Comment

Anime do ano. Vocês estão levando isso muito a serio.


Em qualquer entretenimento que se prese, como: cinemas, games, quadrinhos e desenhos. Gostamos de analisar e darmos um veredito de qual foi a melhor experiencia que tivemos com esse divertimento que consomem variar horas de nossas vidas. Porém com o excesso desses elementos, temos a tendencia de fazer reviews, darmos notas para assim meio que facilitar a busca de quem procura algo para assistir, ler ou jogar, sem ter a necessidade de passar muito tempo procurando algo bom pela internet ou na locadora.

Mas como somos seres humanos temos a tendencia de criticarmos quem elogiou ou denegriu determinada obra, e assim lotarmos a timeline do twitter de xingamentos por determinado site ter dado 9/10 no novo GTA. Isso não é algo novo, afinal isso sempre vai existir, desde que tenhamos pensamentos diferentes sobre entretenimentos, discussões como essa sempre existirão na internet.


Sera mesmo que reviews e notas tem que ser levado a serio? Da mesma forma que determinarmos qual foi o melhor anime do ano é algo que pode ser no minimo coerente? Sou até suspeito de falar isso, afinal nunca levei a serio reviews e muito menos notas. Costumo dar uma breve analise sobre algo que gostei bastante e dou minha opinião sobre a obra.


Então por que estou falando sobre esse tema? Porque acho interessante discutir, afinal de certa forma é um tema interessante. E para dar o ponto de partida, vamos falar sobre o termo "Anime do ano", que muitos costumam dar sua opinião de qual seria a melhor animação japonesa que surgiu no ano atual. E como todo ano, vejo que as pessoas gostam de se degladiar sobre isso. Uns levam na brincadeira, e outros levam no pessoal.

Uma das discussões que vi acontecer na internet é elegendo o "Shingeki no Kyojin" o melhor anime do ano. Uns concordaram, outros discordaram, outros se irritaram tanto que se transformaram em super saiyajin na internet e saíram na porrada verbal. Na industria japonesa costuma ter eventos que determinam qual foi o melhor anime do ano (onde na maioria são animes que não gosto) onde ganham uma premiação. Enquanto aqui temos os blogs e narotos que determinam o melhor do ano.


Enfim a conclusão que podemos tirar disso é que cada um vai ter uma opinião diferente sobre o assunto. E antes de ser inserido o termo "imparcial", não acredito nisso. O que posso falar sobre "Anime do ano" é que é algo muito pessoal. Se você gosta de anime de romance, um anime como Shingeki no Kyojin com certeza não vai ser o anime do ano pra você. Caso você curta mais ação e lutinha o Shingeki no Kyojin pode ser o anime do ano pra você, apesar que gosto de ação e não curti muito o anime.

Se você gosta de ecchi e obras extremamente erotizadas e com garotas mostrando a calcinha e gritando que nem gato. O High School DxD New tem grandes chances de ser o anime do ano pra você. Ou seja, esse lance de melhor é algo bastante pessoal, não adianta determinarmos qual seria o melhor para os outros. Pra min isso pode ser bastante conveniente, afinal não me interesso por reviews e não levo isso a serio.

Gosto mais de valorizar opiniões sobre o publico que faz mais do meu circulo de entretenimento. Mas como nem todo mundo pensa como eu, gostaria de uma segunda opinião sobre o tema. Como você julga essa coisa de anime do ano e reviews. Você acha algo que deve ser levado a serio, por ser uma critica? Ou você não se importa com isso e prefere tirar suas próprias conclusões sobre uma serie?

Posted in | 12 Comments

Jogo de "Jojo's Bizarre Adventure: All-Star Battle" vai sair no ocidente.


Não era muito esperado, mas vai ser uma realidade. O jogo de luta da Namco Bandai "Jojo's Bizarre Adventure: All-Star Battle" vai sair no ocidente no próximo ano.

Sabemos que JoJo é uma franquia muito popular no Japão, mas não é tão conhecida no ocidente como Naruto e Dragon Ball, alem de não ter sido muito bem aceito nos reviews de sites de games gringos, onde eles conseguem falar tudo sobre um jogo, sem a necessidade de jogar o mesmo.

De certa forma é um jogo difícil para competir com os jogos de luta aqui no ocidente. Eu por exemplo prefiro mais um BlazBlue, Street Fighter e Mortal Kombat do que esse jogo de Jojo. O porem nesse caso como eu gosto muito dos quadrinhos de Jojo, e como o jogo é feito para agradar os fãs da franquia seria uma boa forma de agradar esse publico.

Mas quem não conhece nada de Jojo e nem é fã da franquia, acho meio difícil esse jogo se dar muito bem no ocidente. Quem sabe o efeito bizarro do jogo se torne uma boa forma de divertimento, para quem busca um jogo de luta alternativo.

Posted in | Leave a comment

Record Agarest War chega pra PC em outubro.


O jogo Recorder Agarest War vai ganhar um jogo para o PC. Muitos ja devem estar sabendo disso, mas é sempre bom lembrar sobre determinados jogos, principalmente quando falta menos de um mês para ele ser lançado.

Originalmente esse jogo foi lançado para PS3 e Xbox 360, mas a Idea Factory teve a  ideia de lançar o jogo na Steam para quem deseja joga-lo no computador. O jogo vai ser lançado em 3 de outubro e vai estar em inglês e com um bom preço na Steam.

Quando fiz uma postagem sobre o Agarest War teve leitores que ficaram um pouco desanimados pelo fato de ser um jogo de PS3/XBOX360 logo seria um jogo pesado para rodar num PC. Mas não chega a ser um jogo tão pesado assim, as configurações minimas são bem leves, e da para rodar tranquilo num PC com uma placa de vídeo mediana.


Para mais informações sobre o jogo, acesse o site da Steam.

link: http://store.steampowered.com/app/237890/

Posted in , | 1 Comment

Steins;Gate entra em pre-venda.


O processo de tradução da visual novel de Steins;Gate continua seguindo em frente. Sabemos que o jogo já foi traduzido a um bom tempo pelos fansubs, mas ter uma versão oficial traduzida é outra historia.

Esta sendo uma tradução demorada esse novo projeto da Jast Usa, porem mais cedo ou mais tarde a tradução vai ser completada. A prova disso é que agora você já pode fazer a pre-venda do Steins;Gate no site de compras da Jast Usa.

Caso esteja interessado em comprar o jogo oficial que vai sair aqui no ocidente, acesse os links abaixo e pesquise os preços. O jogo tem duas formas de ser comprado. A primeira é comprando a mídia física e a segunda é comprando a mídia digital. A mídia digital tem um preço bem menor que a mídia física, mas caso você for daqueles que gosta de ter a capa de seu jogo na sua estante, comprar a versão física vai ser algo bem mais em conta.

STEINS;GATE LIMITED EDITION **PREORDER**
STEINS;GATE DOWNLOAD EDITION **PREORDER**

Posted in , , , | 1 Comment

Mother 1 do nintendinho vai ganhar remake.


Parece que a moda agora é jogos antigos ganharem versões aprimoradas para os tempos atuais. Além de ser uma forma de agradar o publico mais antigo, também pode ser uma boa tática para pegar o publico mais atual.

Porém não é só grandes empresas que fazem remake de jogos, isso acontece também com fãs de determinada franquia que desejam uma versão aprimorada de um clássico, mas que nunca aconteceu. Recentemente falei do Pokemon Liquid Crystal que foi o remake feito por fãs do Pokemon Crystal para os tempos atuais e que roda numa rom de Game Boy Advanced.

No processo desse jogo o Mother, eles estão usando a rom do Mother 1+2 do Game Boy Advanced para fazer o remake. Basicamente estão pegando dados já existentes do Mother 2/Earthbound e inserindo no jogo antigo, mas também adicionando material novo na obra.

Dizem que emulador e roms favorecem a pirataria, mas é graças a isso que podemos ver esses belas obras de arte que um bom programador e designer pode fazer. O projeto começou a dar bons passos no inicio desse ano, e parece que a tendência é o projeto continuar até a sua conclusão o que realmente eu espero. Mas como qualquer projeto feito por fãs, nunca é bom ficar muito esperançoso antes da hora, afinal o fã não é uma empresa ele não é pago pra isso.

Ele tem sua vida e suas obrigações, e na maioria dos casos faz isso no seu tempo livre. Alem que esse projeto esta sendo feito desde 2007. Enfim para mais informações acesse os links abaixo.

http://forum.starmen.net/forum/Community/PKHack/Mother-Remake/page/1/



Posted in , | 1 Comment

Sigma Subs esta traduzindo Rewrite para o português.


Recentemente o fansub brasileiro de Dracu-Riot me enviou um email falando algumas informações sobre o processo de tradução de sua tradução.

Pelo que parece a tradução do jogo de Dracu-Riot anda com alguns problemas, principalmente na plataforma que ele esta usando para traduzir. Porém o processo de tradução de jogos ainda continua, foi anunciado que esta sendo traduzido a visual novel de Rewrite para o português.

Abaixo esta o texto do Sigma Subs:

/* Primeiramente, traduzir pelo Visual Novel Reader estava se tornando uma coisa insuportavel, depois de ter traduzido umas 2000 falas ele começou a bugar. As vezes não apareciam as minhas traduções, as vezes apareciam incompletas, e algumas vezes apareciam em dobro. Decidi que não dava mais para traduzir daquela forma, e que seria necessário fazer um patch para continuar a tradução. Além disso, eu tinha que revisar o jogo varias vezes por mês, pois o VNR literalmente apagava algumas das minhas traduções, e era muito chato ficar fazendo a mesma tradução varias vezes.

O grande problema é, o hacker do Sigma Subs não conseguia extrair os scripts de Dracu-Riot. Ele tentou por mais ou menos 1 mês, mas não conseguiu mesmo, chegou até mesmo a pedir ajuda para o sub americano(Staircase subs), mas eles não mostraram interesse.

E pra quebrar tudo de uma vez, Dracu-Riot para de ser traduzido, com uma rota inteira faltando.

Eu pedi ajuda no site para pessoas que sabiam hackear, para tentar extrair os scripts de Dracu-Riot, mas ninguem se voluntariou, então tivemos que abandonar o projeto.

Eu fiz uma votação sobre que jogo traduzir, depois de explicar para a galera oque aconteceu, e Rewrite ganhou de Dracu-Riot com mais do dobro de votos.

E aí eu recebo uma grande noticia do meu hacker, "Pedi ajuda para o fansub americano de Rewrite, e além de nos apoiar, e dizer que gostaria que Rewrite fosse disponível em outras linguas, eles me deram todas as ferramentas necessárias para fazer um patch de Rewrite".

Eu não quero ficar com fama de quem abandona seus projetos, mas foi uma coisa inevitavel, eu tentei até o fim continuar com Dracu-Riot, mas não dava mais. Rewrite ja começou a ser traduzido por mim e pelo Patrick.

Só ontem eu traduzi quase 500 falas, para mostrar como estou sério, e VOU traduzir Rewrite até o fim.

Eu sinto muito por pedir isso novamente, e sei que 'abandonei' meu outro projeto. Mas eu gostaria de pedir, por favor faça mais um post sobre a nossa tradução de Rewrite. Seria de grande ajuda para divulgar sobre a tradução. E acredito que várias pessoas gostariam de jogar Rewrite em português. */

Para mais informações acesse o site oficial do Sigma Subs: http://sigmasubs.blogspot.com.br

Posted in | 3 Comments

O que diabos é Touhou?


Provavelmente você que gosta de navegar nesses sites para obter imagens de desenho japonês, deve já ter se deparado com alguma imagem que tenha tido alguma dessas personagens desse jogo.

Principalmente se você navega em sites ao estilo "booru" como o safebooru, deve já ter visto uma imagem de uma das personagens desse jogo, mas nunca parou para se perguntar o que diabos era essa tag "touhou" que aparecia nas informações da imagem. Para você que não sabia o que significava isso, o Touhou como disse é um jogo, que é extremamente popular no Japão. Onde seu criador ZUN é considerado um genio pelos criadores de jogos independentes no Japão, onde ele literalmente consegue viver tranquilamente só produzindo o seu jogo.

No Japão a cultura de se fazer jogos é algo bastante comum. Tem japoneses que já começam sua criação no ensino médio graças a "clubs" que podem ser formados na escola. Jogo independente no ocidente esta tendo o "boom" que já aconteceu no Japão a um bom tempo. Mas uma coisa é ceta, com jogo independente você pode faturar uma grana e se não faturar, da para melhorar muito o currículo caso o jogo seja bem feito.


Voltando ao assunto: o que diabos seria Touhou? Inicialmente os jogos de Touhou era você acertar uma bola em formato de Ying-Yang e ir destruindo os blocos que aparecem na tela, o problema é a bola que você arremessa. Você tem que destruir todos os blocos e evitar que a própria bola que você jogou te mate.

O Touhou 1 ao 5, onde para pega-lo hoje em dia fizeram um emulador interno para jogar ele nos dias atuais. Mas quase ninguém se importa com isso, afinal o grande boom de ZUN começou a partir do Touhou 6 onde mudou totalmente a jogabilidade do jogo.

Do Touhou 6 em dia o ZUN alem de criar um bom shotting game, ele também criou um universo dentro do jogo, alem de termos personagens bem carismáticos.

Na franquia de Touhou você vai presenciar muita mitologia japonesa dentro do jogo. Desde contos sobre youkais, deuses, demônios e por ai vai. Lembrando que os chefes do jogo são representados por entidades do folclore japonês moezados. Porem mesmo com todo esse moe em cima das entidades, as personagens conseguem demonstrar uma personalidade marcante em apenas algumas palavras. O que fez cada jogador se identificar com alguma personagem e chefes que aparecem no jogo; e logico fazer fanarts e doujinshis pornográficos.


Com todos esses elementos, fez Touhou se tornar um dos melhores jogos independentes do Japão, onde até no ocidente é um jogo bem elogiado.

Touhou é uma das minhas franquias de jogos favorita, que nem jogos como: Sonic, Mario, Zelda, Dragon Quest, Earthbound, Harvest Moon, Pokemon, Puyo Puyo. Mesmo sendo curto le consegue te prender no proposito do jogo, que é destruir tudo que aparecer e desviar de todas as balas.

Você consegue terminar o jogo de 30 minutos a 1 hora jogando, e isso não é algo ruim, afinal shotting games costuma ser curto. Porém uma das coisas que faz ele ser muito bom para você ficar jogando e re-jogando ele inúmeras vezes é o fator de "colecionador".

No jogo os chefes costumam usar as "spell cards" onde seriam um tipo de especial do chefe. O chefe tem seus tiros padrão, quando ele ativa o seu especial (spell card) o fundo do jogo muda e aparece o nome do especial no topo da tela.

Caso você detonar a vida toda do chefe, o especial acaba e você obtém a "spell card" do chefe. Lembrando que você não vai usar a magia do chefe, simplesmente você vai colecionar a carta para provar que você sobreviveu ao especial. Caso você morra ou use uma bomba você perde o "spell card" na hora, mesmo derrotando o chefe no final.


E esse é um dos maiores fatores que podem te prender no jogo, alem que as "spell cards" tem variações em todos os leveis de dificuldade. Você pode ter uma mesma "spell card" no nivel Easy e Hard, e a cada level o mesmo chefe pode usar uma spell card rara  que não tem nos outros níveis. Alem disso ser ma forma para treinar suas habilidades no jogo para fazer você subir gradativamente de nível desde o Easy ao Normal ate do Hard ao Lunatic. E isso logicamente vai te garantir varias e varias horas jogando Touhou; não é a toa que nos jogos mais atuais tem contagem de horas e de vezes jogadas.

Touhou pode não ser um dos melhores jogos já feitos, e pode não fazer o seu estilo de entretenimento. Mas temos que admitir que ele tem seus méritos e um bom desenvolvedor (ZUN) que faz suas obras com muito carinho e zelo, onde até hoje é uma franquia que vende muito.

Enfim, qual sua opinião sobre essa franquia? Você ja jogou ou descobriu descobriu agora que isso é um jogo? Conte sua experiencia.


Posted in , | 8 Comments

Gensou Suikogaiden Vol.2 foi traduzido.


A visual novel da Konami para PS1 "Suikogainden" teve seu segundo jogo traduzido. O grupo que traduziu esse segundo jogo foi o mesmo que traduziu o primeiro, o fansub intitulado "Suikogaiden Translation Project".

Gensou Suikogaiden é um spin-off  da franquia Suikoden, onde é um jogo de RPG. Como essa versão nunca saiu no ocidente, os próprios fãs tiveram a honra de traduzir o jogo. Agora é possível jogar os dois jogos do Gensou Suikogaiden com a ajuda de emuladores nos dias de hoje.

Para mais informações acesse o link abaixo.

link: http://suikogaidentranslation.freeforums.org/suikogaiden-vol-2-english-patch-download-t318.html


Posted in , , | Leave a comment

Novo jogo de "Danganronpa" vai ser um shooter.


A Spike Chunsoft anunciou um jogo spin-off da franquia Danganronpa. O novo jogo intitulado "Total Despair Girls" Danganronpa: Another Episode vai apresentar uma jogabilidade totalmente diferente do que os fãs da franquia estão acostumados.

Diferente de ser um jogo de action puzzle, o novo jogo vai ser um shooter em terceira pessoa, onde você vai ter que ir destruindo os "pedobear" que aparecem durante a fase. A visão e a maneira de andar das personagens lembra uma pouco o que já presenciamos em jogos como Resident Evil.

O visual do jogo continua com aquele teor sombrio e cartoonesco como é apresentado nos jogos anteriores. Com a diferença que o jogo vai ser mais focado na ação. O jogo vai sair no PS Vita, e no momento sem data para lançamento.

Posted in , | 6 Comments

Puyo Puyo Tetris. O novo jogo da franquia Puyo Puyo.


Uma surpresa bem agradável por sinal. Não esperava ver a Sega fazendo um novo jogo de Puyo Puyo para os consoles atuais.

Sou um grande fã da franquia das gosmas coloridas por apresentar uma jogabilidade divertida e desafiante, que lembra um pouco Tetris. E por ironia do destino o novo jogo da franquia vai ser um crossover entre Puyo Puyo e Tetris. Estou no aguardo do gameplay do novo jogo e que mudanças esse crossover vai trazer na jogabilidade.

O jogo vai sair para PS3, 3DS,Wii U e PS Vita. E espero que ganhe uma versão para o ocidente no futuro. 

Posted in , , , , | Leave a comment

Final Fantasy Agito pode sair no ocidente.


Recentemente a Square Enix anunciou um novo jogo de Final Fantasy que seria o "Agito". Esse novo jogo estaria sendo produzido para aparelhos moveis como Android e iOS.

O estilo do novo jogo é bem similar ao de Final Fantasy Type-0 de PSP, que nunca foi oficializado no ocidente, mas que esta sendo traduzido por fãs. O Final Fantasy Agito pega os mesmos personagens e mecânicas do Type-0 mas não é um Type-0 propriamente dito.

Porém essa pode ser uma boa oportunidade para quem nunca jogou o jogo, ter a possibilidade de fazer isso num smartphone. Só que como os jogos feitos pela Square Enix para Android e iOS costumam ser bem pesados, então ter um bom aparelho é fundamental para jogar esse jogo. No momento é bom aguardar a confirmação da própria Square Enix em relação a ela fazer uma versão do jogo em inglês.

Apesar que a marca do novo jogo já esta localizada na Europa, então as chances dele sair por aqui são bem grandes.




Posted in , , | 3 Comments

Princess Waltz e Narcissu ganharam port para Android.


Para quem gosta de jogar em smartphone, provavelmente vai gostar disso. Recentemente um port foi feito do jogo Princess Waltz e Narcissu para o sistema operacional Android.

O responsável pelo port é o mesmo que fez o port de Yume Miru Kusuri para Android o "qberty". Narcissu esta de graça na Google Play e pode ser baixado sem restrições para o seu smartphone ou tablet.


Diferente de Narcissu o Princess Waltz esta pago que nem o Yume Miru Kusuri onde ambos estão custando R$ 11.00. O preço esta bom, em relação ao inicio que estava custando aproximadamente R$ 30.00 o jogo na Google Play. O preço agora esta bem acessível e num valor padrão de um jogo feito para smartphones, onde o usuário no máximo paga uns R$ 10.00 por um jogo.

links:

Narcissu
Princess Waltz

Posted in | 1 Comment

Por que quem joga vídeo game aprende inglês com mais facilidade?


Costumamos falar que o vídeo game é um grande influenciador para as pessoas aprenderem inglês. Principalmente para a geração mais nova que gosta de passar varias horas jogando vídeo game. Porém nunca vi ninguém discutir o por quê de vídeo game ser uma fonte de entretenimento tão boa para o aprendizado dessa língua.

Como sabemos o inglês já é integrado na escola, mas infelizmente poucos dominam a língua falada, e muitos não chegam a ler um simples texto nesse idioma. O ensino do Brasil não é la essas coisas, isso nunca foi novidade, mas tem um grande teor que influencia nessa falta de aprendizado no idioma: a falta de interesse.

Afinal para que você vai usar o inglês? É a mesma coisa do cara que vai fazer programação na faculdade, pra que diabos ele vai ter que aprender química para saber programar e fazer cálculos matemáticos? Química não vai ser útil para essa pessoa, onde não vai ter interesse na matéria e não ser tão bom no mesmo. A mesma coisa acontece para uma língua estrangeira, pra que você vai aprender inglês se você não vai usar.


Se você não tem interesse na matéria, não a coloca em pratica, logo fica muito difícil você dominar a língua, onde pelo menos no Brasil se tem muita deficiência no inglês. E vale citar que com um ensino fraco do mesmo, o aprendizado fica muito ruim para o estudante, fazendo o mesmo na maioria dos casos investir num curso de inglês para realmente dominar o idioma.

Então com um péssimo ensino como diabos alguém pode aprender inglês jogando vídeo game? Como foi dito anteriormente, uma dos principais fatores para o cara não aprender inglês é pelo fato dele não ir usar isso em lugar nenhum, fazendo assim ele também não ter interesse em aprender a língua.

No caso do vídeo game a pessoa ele quer passar daquele desafio e quer entender o que se passa. Fazendo assim ele se interessar pelo inglês para saber o que esta escrito la. O primeiro passo é dado, o cara esta usando o inglês na sua vida a não ser fazer provas, e logo em algo que ele considera um divertimento, um entretenimento. E com isso na maioria dos casos faz o mesmo dar o segundo passo, procurar entender melhor o idioma para entender melhor o jogo.


Como ele faz isso? Simples, pegando o dicionario e aprendendo o significado das palavras. Quem jogou RPG como Final Fantasy sabe muito bem que nas suas mãos ficava o controle e ao lado o dicionario, para ir traduzindo os longos textos que eram expressos no jogo. Mais cedo ou mais tarde, a pessoa vai usar menos o dicionario, por estar dominando grande parte das palavras que aparecem no jogo.

É por isso que você aprende inglês mais facilmente jogando vídeo game. Você esta praticando e obtendo conhecimento enquanto se diverte matando os monstros e evoluindo no seu jogo favorito. Porém infelizmente hoje em dia o que mais vejo é pessoas reclamando quando um jogo não esta em português, onde não custa nada a pessoa pegar um dicionario ou usar o próprio Google Translator para entender uma palavra. Não que você vá usar o Google Translator para traduzir um texto inteiro, coloque uma palavra que você não entendeu, exemplo "Pride" (orgulho, arrogância, vaidade)  que o Google Translator vai te dizer os significados.


Mas se você usa o Google Translator para traduzir um texto inteiro, primeiramente o texto vai vim errado e você não vai aprender inglês. Mas caso você não confie no Google Translator e não tem um dicionario, tem um dicionario online muito bom que é o "Linguee" que mostra vários exemplos de como uma palavra pode ser usada. Caso você esteja aprendendo o inglês do zero, tem um aplicativo para Android e iOS chamado "Duolingo" que vai dar para aprender muito bem o idioma escrito e pode te ajudar bastante a entender o inglês escrito.

Ou seja hoje em dia só não aprende inglês quem não quer. Enfim qual sua opinião sobre assunto? Você acha que o vídeo game é um bom entretenimento para fazer a pessoa aprender inglês, ou uma coisa não tem nada a ver com a outra.

Posted in | 8 Comments

Dracu-Riot teve sua tradução cancelada.


Infelizmente para aqueles que aguardavam a tradução de Dracu-Riot vai ter uma péssima noticia. O fansub responsável pela tradução do jogo disse que vai parar a tradução, onde ele parou com 80% do projeto completado.

Ninguem o obrigou a fazer isso, simplesmente decidiu parar a tradução por motivos pessoais. A única coisa que podemos esperar é o mesmo lançar um patch em inglês do jogo traduzido até agora, ou ele passar a tradução para outro fansub.

Caso ganharmos um patch do jogo agora, a única rota que não teria tradução é da Miu, onde é a principal heroína do jogo com seus lindos cabelos ruivos. De certa forma daria para jogar o jogo, mas ficar sem o jogo completo é algo complicado, a menos que você não tenha nenhuma pretensão de fazer a rota da heroína principal do jogo.

link: http://staircasesubs.com/2013/09/08/in-pursuit-of-greater-pleasures/


Posted in | 6 Comments

Demon Master Chris. Eroge RPG anunciado pela MangaGamer.


A empresa MangaGamer nunca foi de trazer eroges de rpg no ocidente, diferente de seus concorrentes que já lançaram bons jogos como: Princess Waltz e Lightning Warrior Raidy.

Tentando agradar o público que gosta de eroge rpg no ocidente, a MangaGamer fez uma nova parceria com a empresa Nya Trap, onde o primeiro título anunciado é Demon Master Chris. O jogo tem elementos de Lightning Warrior Raidy, onde você vai explorando uma dungeon e os inimigos são mulheres monstro. O jogo se foca no yuri não é a toa que o protagonista é uma mulher.

Provavelmente essa vai ser a tradução de visual novel mais rápida já feita da atualidade. O jogo chegou em julho deste ano no Japão. E no final de agosto a MangaGamer anunciou o processo de tradução e já tem um demo pra quem deseja testar o jogo. A Nya Trap é uma empresa ainda nova  e está em desenvolvimento. Apesar que seus jogos pretendem se focar no yuri e sempre ter uma versão em inglês do mesmo. Caso queira testar e ter mais detalhes do jogo siga o link abaixo.

link: https://www.mangagamer.com/detail.php?goods_type=1&product_code=88 (NSFW)

Posted in , | 3 Comments

Pokemon Liquid Crystal. O remake de Pokemon Crystal que todos nos queríamos.


Como sabemos a franquia de jogos de Pokemon é muito extensa, mas mesmo com tantos jogos os fãs da serie costumam gostar de jogar os jogos antigos da franquia, mesmo tendo zerado varias e varias vezes. É que nem os fãs de Chrono Trigger e Earthbound que zeram o mesmo jogo anualmente.

Com isso a Gamefreak costuma lançar remakes para versões mais recentes de seus portáteis como foi no caso de Pokemon Fire Red and Leaf Green, até as versões de Pokemon Soul Silver e Heart Gold. Esses remakes costumam  vender muito bem, principalmente para quem quer jogar os clássicos com um novo gráfico e alguns extras.

Mas na época do Game Boy Advanced muitos queriam um remake de Pokemon Crystal, que muitos dos fãs consideram o melhor jogo da geração Game Boy Color. Porém isso não aconteceu, porém como fã de Pokemon é hardcore, um grupo passou longos anos fazendo um remake de Pokemon Crystal para a versão Game Boy Advanced. Teve um primeiro grupo que tentou mas parou no meio do caminho, porém veio outro grupo intitulado "ZeldaandLink" que fez todo o trabalho do remake do jogo.


Demorou muito tempo e nesse ano de 2013 eles meio que terminaram (99% concluído), o jogo se chama Pokemon Liquid Crystal onde é um fiel remake do jogo de Game Boy Color para o Game Boy Advanced. Eu sempre quis ver um remake do Crystal para uma plataforma mais potente, ficando com o estilo de Pokemon Fire Red. E eles fizeram isso a risca e o trabalho final ficou algo bonito de se ver.

Quem joga em smartphones com emulador, o jogo vai emular o horário do seu dispositivo para programar as horas do jogo, para assim você ter dias e noites, e inclusive ter momentos que chove onde influencia na batalha. Caso você jogue no PC ou smartphone e o emulador não conseguir pegar o sistema de horas, o jogo vai avisar que esta apresentando problemas nessa função.


O jogo assim como o Pokemon Crystal original é do mesmo jeito, com a diferença que os gráficos estão melhores e o criador colocou extras no jogo. A minha experiencia com o remake foi bem satisfatória. Re-jogar esse clássico com gráficos melhores em 2D é algo bem agradável.

Pra quem deseja jogar um clássico com novos gráficos, da para jogar esse fan-made sem problemas. No site oficial do criador ele tem informações de passo a passo para conseguir fazer a ROM do jogo, entre no link abaixo e boa diversão.

link: http://pokemonliquidcrystal.com/

Posted in , | 14 Comments

Jogos de Rance sendo traduzidos a todo vapor.


Rance é uma franquia de jogos eroge rpg dos anos 90 que até hoje é famosa e sobrevive fortemente no mercado de eroges no Japão.

Apresentando uma historia e sistema de RPG bons, alem de um protagonista carismático, fez o jogo se tornar muito famoso onde essa fama também esta conquistando os jogadores de eroge no ocidente. O fansub intitulado de "Rance Translations" esta sendo o responsável por traduzir todos os jogos da franquia.

Eles começaram traduzindo desde o primeiro jogo lançado em 1989, e agora eles acabam de concluir a tradução do quarto jogo da serie. Ou seja você já tem a possibilidade de jogar os quatro primeiros jogos dessa imensa franquia que não tem planos de acabar tão cedo. 

Como os primeiros jogos são pequenos, basicamente você só precisa baixar, extrair e começar a jogar. Recomendo começar do primeiro jogo para você ir vivenciando o universo de Rance, alem de ter piadas que você só vai entender se ter jogado os jogos anteriores.


Posted in | 4 Comments

Fansub traduz Visual novel. E a empresa do jogo aprova e agradece.


Não é de agora que quem traduz visual novel para o inglês costuma ser bem mal visto por empresas de visual novel. Porém sempre existe um caso a parte.

O fansub responsável pelo jogo de luta Umineko Ougon terminou de traduzir todo o script do jogo para o inglês. Agora só falta terminar de programar o texto do jogo para assim lançar o futuro patch e você ter a possibilidade de jogar o jogo em inglês.

Porém o dono do fansub foi alem e falou pessoalmente com a empresa responsável pelo Umineko Ougon e a resposta foi bem proveitosa. No primeiro tweet da resposta do 07thExpansion ele pergunta se é um english patch, e assim o fansubeiro responde que só traduziu o primeiro jogo, e não traduziu o Umineko Ougon Cross ainda.

Em resposta o 7thExpansion responde dizendo que ter o english patch facilita as pessoas obterem o seu jogo no exterior, e pede para que o fansub traduza também o jogo Umineko Ougon Cross e termina o tweet agradecendo.


Enfim não é de agora que o 7thExpansion apoia que seus jogos recebam uma tradução em inglês por fansubs, afinal eles estão fazendo um patch, você pode simplesmente comprar o jogo original e inserir o pacote de tradução e jogar o jogo sem problemas. No caso da visual novel de Umineko o fansub traduziu o jogo e linkava para uma loja onde você pode comprar o jogo original de Umineko.

Vale lembrar que 7thExpansion é um grupo de jogos indie (doujin no Japão) onde eles tem a cultura de querer que mais pessoas joguem seus jogos, sem ficarem presos a uma empresa especifica. Mas de fato isso não prejudicou a fama de seus jogos, fazendo eles ganharem versões de suas obras também em consoles.

link: http://iwakuraproductions.wordpress.com/2013/09/02/golden-reverie-reaches-100-script-completion-07th-expansion-approved/

Posted in , | 3 Comments

Gamer casual e hardcore. Dois rótulos totalmente desnecessários.


Nos anos 90, ninguém tinha ideia de que a industria dos vídeo games iria evoluir tanto em tão pouco tempo. E hoje estamos em pleno 2013 e podemos dizer que se tornou um entretenimento forte que esta competindo ate com a industria de cinema. Porém na postagem de hoje não irei falar sobre o passado dos jogos e sim sobre os termos que muita gente usa, que são: "gamer casual" e "gamer hardcore". O termo gamer hardcore foi criado para indicar aquelas pessoas que jogam vídeo game que tem uma característica "elevada".

Por exemplo aquele que passa muitas horas jogando, ou que sabe muito sobre mecânicas e tem muitas informações sobre vídeo game; alem de estar sempre se informado. É que nem o cinéfilo, que esta sempre informado sobre filmes e sobre futuros lançamentos, alem de saber muito sobre atores, diretores e por ai vai.

Mas como sabemos hoje em dia o termo "gamer hardcore" é simplesmente inserido para aquela pessoa que joga determinado tipo de jogo. Como é no caso de Call of Duty e Battlefield, onde você ter o jogo e passar horas camperando é considerado ser gamer hardcore. E como não poderia deixar de ser o mercado aproveitou isso para ganhar dinheiro em cima dos consumidores de jogos. A Intel e NVidia esta ai pra provar isso, se você gosta de FPS e jogos com fortes gráficos você é gamer hardcore, então sempre ter um PC potente é fundamental para jogar jogos pesados, e consequentemente continuar no rotulo de ser um gamer hardcore.


Ou seja ser um gamer hardcore se tornou hoje em dia um status, e não uma qualidade ou habilidade intelectual de uma pessoa. Você só precisa ler comentários em portais de games para você ver o nível da ignorância dos comentários. Esses são os novos gamer hardcore, onde é apenas um rotulo besta que é usado para dizer que você é mais gamer do que o outro.

Video game é um entretenimento, mas como sabemos o ser humano mesmo na diversão quer se destacar, e mostrar que é mais superior que o outro naquilo que gosta. O cara querer bancar superioridade no trabalho já é algo idiota, imagina querer bancar superioridade num entretenimento que ele pagou pra consumir? No final é apenas orgulho.

Mas a separação dos termos não se deu a toa. Afinal a industria dos games esta sempre querendo se adequar a todos os públicos. O gamer hardcore começou a mudar muitos depois do lançamento do Nintendo Wii, onde o objetivo do console inicialmente era atrair o publico mais família e não um jogador mais assíduo. Isso de certa forma fez os jogadores mais fervorosos não aceitarem que o jogador que joga num Wii seja um gamer hardcore. E essa separação só fez aumentar com o surgimento crescente de MMORPG, Jogos Sociais e agora Jogos Mobile.


Agora um simples jogo de celular como Angry Birds pode vender milhões que nem os joguinhos de tiro, e isso pra galera mais fervorosa é uma afronta que lhes tira o sono.

E hoje em dia até lojas de vendas estão rotulando jogos como hardcore ou casual, afinal eles sabem o que o simples rotulo já é um fator forte o suficiente para fazer alguém comprar um jogo. E não tiro a razão deles, uma empresa tem que se manter viva. Enquanto os jogadores que se dizem hardcore, continuarem com essa mentalidade as empresas continuaram fazendo os seus jogos de tiro, que o povo tanto gosta e vão continuar a ganhar dinheiro com isso.

Porém com a popularizarão dos jogos hoje em dia, já passou a época que jogo é feito para um nicho, um grupo. Temos mais diversos jogos, desde independentes a profissionais ganhando dinheiro sem precisar se intitular hardcore, os que são chamados de casuais. O Steam Greenlight que é um serviço agregador de jogos indie esta cada vez mais popular e eficiente, mas isso só acontece porque tem gente interessada em comprar jogos assim, se não a Steam não iria nem criar o Greenlight, um capitalista não gosta de perder dinheiro, ele não fez isso porque é bonzinho.


Felizmente hoje em dia temos jogos para todo tipo de publico, e isso é bom. Afinal hoje em dia ninguém pode reclamar que não tem jogo que faz seu estilo. Gamer casual e gamer hardcore? Isso é besteira. O importante de um jogo é ser divertido, perder tempo com discussões bobas é desperdiçar horas que poderiam estar sendo usadas para se divertir jogando vídeo game.

Gamer casual, gamer hardcore? Não me considero nenhum dos dois, apenas um jogador (gamer) que gosta de jogar bons jogos. Sempre que me perguntarem do que eu acho sobre isso vou dar minha opinião, onde acho isso uma verdadeira bobagem. Esse é apenas meu ponto de vista, você se rotular que tipo de gamer você é, simplesmente é uma opção sua. Você tem direito de se identificar com o que achar mais coerente pra o seu estilo de vida.

Afinal rótulos existem desde sempre e não vai ser agora que isso vai morrer, mas é sempre bom saber diferenciar que isso é apenas um lazer, e não algo que vá determinar a sua honra. Enfim, qual a sua opinião sobre o termo gamer casual e gamer hardcore? Você acha uma bobagem ou algo que deve ser seguido a risca?

Posted in | 5 Comments

Higanbana Second Night esta sendo traduzido.


Faz mais o menos duas semanas que não se tem novidades sobre traduções de visual novel. Não que os fansubs tenham parado, mas não se tem mais tantas novidades.

Recentemente apareceu novidades sobre uma visual novel do criador de Higurashi e Umineko, que não se tornou tão popular quanto seus outros jogos. O fansub responsável pelo segundo capitulo do jogo afirma que em breve disponibilizada a versão beta do mesmo. Se o projeto vai ser concluído isso é cedo pra dizer.

Afinal muitos fansubs costumam disponibilizar so o demo de uma visual novel, mas acaba parando ai e desiste de traduzir completamente um jogo. Higanbana não parece ser uma visual novel tão promissora quanto os outros jogos do criador, mas para o fã é uma leitura que não pode faltar para a sua diversão.

link: http://blog.spiderlilytranslations.com/2013/08/the-second-night-translation-stage.html

Posted in | Leave a comment

Kairosoft e seus bons jogos de RPG/Simulator.


Sabemos que a quantidade de jogos lançados para smartphones é algo abundante. Porém muitos dos jogos feitos para essa plataforma costumam ser bem simples e ter jogabilidade bastante repetitiva.

Nunca fui muito fã de jogos para Android e iOS, em sua grande maioria são jogos que não me agradam, e quando tem um jogo que realmente é interessante ele já é uma versão de um jogo de console. Mas tirando isso nunca vi um jogo feito exclusivamente para a plataforma que tenha me divertido.

Porém como pra tudo na vida existem suas exceções acabei achando uma empresa japonesa especializada em fazer jogos bem originais para a plataforma Android e iOS. O nome da empresa é a Kairosoft onde ela é uma empresa japonesa que faz jogos culturalmente japoneses. Mas algo peculiar acabou acontecendo, o estilo de jogo e narrativa acabou agradando também o publico ocidental, e agora a empresa faz os jogos também em inglês, onde atualmente da para obter todos os lançamentos da empresa.


Seguindo o hype dos elogios e boas notas do Google Play acabei dando uma chance a empresa e acabei pegando os jogos como: Pocket Academy e Game Dev Story. Todos os jogos da empresa seguem o estilo de RPG + Simulação. Se você jogou jogos como Roller Coaster Tycoon vai sentir uma leve facilidade para administrar o jogo, onde não chega a apresentar uma jogabilidade difícil, mas consegue divertir com a proposta.

O interessante da Kairosoft, é que alem dos jogos te manter preso em evoluir os seus personagens e seu negocio. É que você também aprende um pouco sobre a cultura japonesa apenas jogando o jogo. Você vai ter jogos onde você administra um vilarejo de ninja, e ate mesmo uma simples fonte termal.

Em cada jogo segue o mesmo preceito de ser um simulador e um RPG, mas observando o comportamento dos personagens e como você deve administrar determinado negocio, da para entender como os japoneses trabalham, alem de entender como funciona um pouco da cultura japonesa. Jogos como Pocket Academy da para ter uma boa noção de como funciona uma escola japonesa, e como os estudantes se comportam a cada período escolar.


Com o Game Dev Story você da para entender o quanto manter uma empresa de jogos pode ser difícil. E quais jogos costumam agradar mais os japoneses.

Os jogos são simples, com personagens e cenário feito em pixels art, onde pode ser jogado praticamente em qualquer smartphone Android. Vale lembrar que a maioria dos jogos da empresa são pagos, e tem poucos que são realmente 100% gratuito. Apesar que você pode achar todos os jogos gratuitamente na internet para baixar, basta usar o Google.

link: http://kairopark.jp/android/en/


Posted in , , | 1 Comment

Segagaga volta a ser traduzido


No período quando o ultimo console da Sega "Dreamcast" estava prestes a morrer, a empresa decidiu fazer um jogo humorístico sobre o fim da Sega.

Segagaga é um jogo que tem elementos de visual novel com RPG, onde fazem varias referencias a personagens da Sega. Na historia como em qualquer jogo desse estilo, você é um jovem que tem como objetivo salvar a Sega de ser dominada por uma organização maligna a "Dogma Corporation" (Nintendo).






Durante a aventura varias referencias são feitas, inclusive nas batalhas onde você pode enfrentar na porrada personagens da Sega, alem que as magias são referencias a jogos clássicos da empresa. O intuito do jogo é apresentar uma jogabilidade e humor que muitas vezes beiram ao "non-sense" que para os fãs da Sega é um prato cheio.

Infelizmente a tradução ainda vai demorar bastante pra ser concluída, mas pelo menos temos a confirmação que a tradução do jogo continua e que algum dia ela vai ser terminada.

link: http://www.adilegian.com/Segagaga/

Posted in , | 1 Comment

ToHeart 2: Dungeon Travelers vai ganhar remake para PS Vita.


O jogo spin-off de ToHeart 2 "Dungeon Travelers" vai ganhar um merecido remake em HD para o console portátil da Sony o PS Vita.

Originalmente o To Heart 2: Dungeon Travelers saiu para o PSP, onde é um jogo que segue padrões de RPGs clássicos como Phantasy Star, com seu sistema de combate e exploração de calabouços. E seguindo a linha de JRPGs oldschool passar horas fazendo level grinding nesse tipo de jogo é algo bem normal.

Infelizmente o jogo ainda não tem uma versão em inglês para o ocidente. Não que isso impeça de você jogar o jogo, afinal o sistema de combate e magias é bem famíliar para aqueles que já jogaram muitos RPGs japoneses como Dragon Quest e Phantasy Star. O único problema é não entender os diálogos e certos menus, diferente dos combates onde ataques e magias são bem indicados com símbolos que facilitam o entendimento.

To Heart 2: Dungeon Travelers não é um jogo de JRPG tão impressionante, mas pode ser um excelente passatempo pra quem gosta de um RPG mais oldschool.

Posted in , , | Leave a comment

Fate/Zero vai ganhar visual novel


Muitos fãs da Type-Moon aguardavam o lançamento de uma versão para visual novel do anime de Fate/Zero, onde seria um spin-off prequel de Fate/Stay night.

Porém para alegria(e decepção) a visual novel não vai ser lançada para o PC e muito menos para consoles de mesa e portáteis. A visual novel vai ser lançada para smartphones Android e iOS. É legal ter visual novel num smartphone, mas o normal é ter a visual novel primeiramente para um PC ou console e depois passar para plataformas portáteis.

Principalmente que a qualidade é bem superior no PC, alem de poder usufruir melhor da historia e da trilha sonora, onde querendo ou não num smartphone você vai ter essa limitação.

Posted in | 1 Comment